publicidade

publicidade

Ônibus do Parnahyba é apedrejado em Teresina, após a vitória sobre o River


Sem nenhuma segurança, atos de vandalismo marcaram o final da vitória do Tubarão sobre o Galo em Teresina!

O final da partida de ontem (28/05), no estádio Lindolfo Monteiro entre Parnahyba e River, não ocorreu de forma harmônica. Alguns torcedores da Torcida Organizada Esporão do Galo apedrejaram o ônibus que conduzia a comissão técnica e jogadores do Parnahyba Sport Club.

Em ato de vandalismo, torcedores arremessaram pedras, quebrando uma das janelas e amassando parte da lateral do ônibus. Alguns integrantes da Esporão do Galo saíram correndo, enquanto outros partiram de motocicleta, depois do vandalismo praticado.


Essa atitude covarde, e brutal, já ocorreu em 2006, quando um dos ônibus que transportavam torcedores azulinos foi atacado pela Esporão do Galo, implicando na morte de um dos torcedores que no momento se fazia presente. Sofrendo infarto dentro do ônibus, Luiz Carlos de Araujo Nascimento, de 59 anos, torcedor do Parnahyba, naquela ocasião, faleceu.

É nítida a diferença de segurança entre os jogos do campeonato piauiense de futebol. Quando a realização do jogo acontece em Parnaíba, os clubes adversários são protegidos por muitos policiais, dentro e fora do estádio. Mas, quando o jogo acontece em outra praça, a exemplo de ontem, a coisa muda de perfil.

A Federação de Futebol do Piauí deveria, então, priorizar a segurança em Teresina, uma vez que o vandalismo “corre solto”, e pela propagação de mudança no futebol do Estado.

Ascom Parnahyba
COMPARTILHAR:

+1

Música do Dia