publicidade

publicidade

Piauí é homenageado no Sarau Chatô da Fundação Assis Chateaubriand, no Distrito Federal


O Sarau Chatô, desde a sua criação, faz homenagem a um país e a um Estado. Nesta 7ª Edição do próximo dia 28 homenageia o Piauí e Itália

O Piauí está mais uma vez em evidência em Brasília. O Sarau Chatô, realizada pela Fundação Assis Chateaubriand, ligado ao Jornal Correio Brasiliense e a um complexo de rádio e TV, será realizado no dia 28 deste mês em homenagem ao Piauí e Itália. Os trabalhos voltados para o evento que dizem respeito ao Piauí estão sob a coordenação da jornalista Raimunda Costa, presidente da ONG Nação Piauí.


O local do evento foi transferido do Espaço Chatô para o auditório da Câmara Legislativa pelo fato da expectativa de público ser muito grande. O novo local tem capacidade para 800 pessoas sentadas. Pelo menos 300 pessoas já confirmaram presença. "O local do sarau fica em frente ao Espaço Chatô. Como está havendo muita procura de piauienses que desejam participar, o auditório da Câmara Distrital tem condições de acomodar todos os interessados", falou Raimunda Costa.


Esta é a 7ª edição do Sarau Chatô. O Piauí foi incluído no evento da Fundação Assis Chateaubriand através da Nação Piauí, que procura agitar a cena cultural de Brasília, colocando a cultura piauiense em evidência. Durante o sarau haverá o lançamento coletivo de livros de escritores piauienses como Evaldo Feitosa, Paulo José Cunha, Rivanildo Feitosa, Marcos Freitas, Edimar Costa, Roberto Dias, Ribamar Garcia e Juscelino. O Sarau terá música, apresentação do Isac do Acordeon, artes plásticas, gastronomia, cerâmica da Serra da Capivara, móveis de buriti, artesanato, cajuína e degustação vip de produtos piauienses.


Este trabalho desenvolvido pela Nação Piauí em parceria com a Fundação Assis Chateaubriand e a Itália não tem fins lucrativos. Visa tão somente mostrar as coisas boas do Piauí para todo país e também para o exterior. "Estamos fazendo este trabalho por causa do amor que temos pelo nosso Piauí. É mais um desafio porque a nossa entidade, para organizar um evento deste porte, precisa recorrer à ajuda de amigos e de órgãos públicos em busca de apoio, mas fazemos isso com a certeza de estar contribuindo com o desenvolvimento do nosso Estado", falou Raimunda Costa.


Ascom Nação Piauí  
COMPARTILHAR:

+1

Música do Dia