Professores da UFPI realizam assembleia para definir os encaminhamentos da greve


Nesta sexta-feira (31), a partir das 16h, no pórtico da Universidade Federal do Piauí, os professores da instituição realizarão mais uma assembleia para estabelecer os encaminhamentos da greve.

Na pauta está a condução do movimento grevista no Congresso Nacional após o dia 31 de agosto, data limite que o governo estabelece para assinatura de um acordo com a categoria. No entanto, segundo a Associação dos Docentes da Universidade Federal do Piauí (ADUFPI), o dia 31 não se configura como o fim da greve.

Não existe um prazo para o fim da paralisação. O que o governo vem divulgando é mais uma maneira de pressionar os professores a assinarem um acordo que desestrutura a carreira dos docentes. Não está na nossa pauta o fim da greve, mas, sim, o fortalecimento do movimento”, destacou o presidente da ADUFPI, Mário Ângelo.

Ontem, em audiência pública na Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senadodiante dos argumentos expostos pelos representantes dos docentes em greve, os senadores presentes à audiência pediram ao governo que retome o diálogo com os professores, suspenso no dia 1º de agosto, de forma unilateral pelo Executivo.

No dia 3 de setembro, os professores promoverão um ato público na UFPI com o intuito de chamar a atenção da sociedade para o descaso com o qual é tratada a categoria. A greve nas Instituições Federais de Ensino continua e completa 106 dias nesta quinta-feira.

Assembleia dos professores da UFPI
Local: Entrada da UFPI
Horário: a partir das 16h
Data: 31/08

Assessoria de Imprensa  
COMPARTILHAR:

+1