Professores da Ufpi decidem retorno às aulas


Na próxima quarta-feira (19), a partir das 15h, os professores da Universidade Federal do Piauí (Ufpi) decidem em assembleia geral finalizar a greve mais longa da educação federal do país, já que o Comando Nacional de Greve (ANDES-SN) deliberou em reunião realizada neste fim de semana pela suspensão unificada da paralisação dos docentes para o dia 21 de setembro.

Segundo o presidente da Adufpi, Mário Ângelo a deliberação de uma greve, como também o seu final, é de estrita competência da categoria sindical.

“Nenhuma coordenação e/ou chefia de departamento tem autonomia e legitimidade pelo retorno às atividades acadêmicas, cabendo aos conselhos superiores, logo após o fim da greve, reorganizar o calendário”, destacou Mário Ângelo.

Além do fim da greve, os docentes irão discutir o adiamento do calendário do segundo semestre de 2012 para o início de 2013, proposta que será levada a administração superior da Ufpi e irão formular princípios de reposição das aulas na universidade que garantam o respeito aos direitos da categoria e a qualidade das aulas que deverão ser reiniciadas no próximo dia 24 de setembro.

Ao suspenderem a greve, os professores afirmam a necessidade de se manterem alertas e mobilizados para impedirem as tentativas do governo de retirar os direitos da categoria.

“A proposta apresentada pelo governo federal, mesmo sendo considerada insuficiente pelos professores, só ocorreu devido à pressão exercida pelo movimento docente, e também pela sensibilização da sociedade diante das dificuldades pelas quais passam as instituições federais de ensino no país. Precisamos agora acompanhar atentamente o trâmite do PL 4368/12, que trata da reestruturação da carreira que o governo encaminhou ao congresso, e pressionar os parlamentares a fazerem alterações no sentido de reduzir as agressões à carreira docente. Neste aspecto, esta agendado para amanhã (17), às 9h, debate com a bancada federal do Piauí, no auditório da Adufpi”, ressaltou Mário Ângelo.

Assessoria de Imprensa
COMPARTILHAR:

+1