publicidade

publicidade

Aprovada a PEC que veda nepotismo na nomeação de conselheiros do TCE

Assembleia Legislativa do Piauí
A Assembleia Legislativa do Piauí aprovou hoje (04), em primeira votação, a Proposta de Emenda a Constituição nº 04/12. A PEC altera a constituição estadual tornando ato privativo do governador do Estado, a nomeação de novos conselheiros do Tribunal de Contas do Estado - TCE.

A medida adequa o Piauí ao que prevê a constituição federal, que diz que os ministros do TCU - Tribunal de Contas da União devem ser nomeados pelo chefe do executivo, no caso o presidente da república. Atualmente, quando ha vacância no TCE, a ALEPI aprova o nome do escolhido para preencher a vaga, e o próprio presidente da Casa procede a nomeação.

Uma vez aprovada, a PEC impede a nomeação de parentes até terceiro grau do governador do Estado, para o cargo de conselheiro, por ficar caracterizado o nepotismo.

A PEC pode ser levada à segunda votação após três sessões.

Ascom  
COMPARTILHAR:

+1

Música do Dia