publicidade

publicidade

Direção Estadual do Rede Sustentabilidade veta nome de Robert Rios

“Para o #REDE SUSTENTABILIDADE a velha política já morreu”

Luter Gonçalves
A polêmica começou quando o jornalista Elivaldo Barbosa (Em Tempo) publica matéria informando que o Secretário viria para o Rede. Na nota publicada na coluna do jornalista, havia ainda a informação de que Marina Silva havia ligado para o Deputado formalizando o convite, de imediato, Luter Gonçalves, coordenador do Rede Sustentabilidade no Piauí, manteve contato com a direção nacional que enviou a seguinte nota:

#REDE SUSTENTABILIDADE ESCLARECE:

“Nota publicada na coluna Tempo Real, no Portal Cidade Verde, no dia 20 de março, afirma que o secretário de Segurança do Piauí, Robert Rios (PC do B), teria recebido uma ligação da ex-senadora Marina Silva o convidando para fazer parte da Rede Sustentabilidade. A informação divulgada não procede. Marina Silva não conversou com o secretário em nenhum momento. Convites e discussões com parlamentares e membros do poder executivo devem ser levados à Executiva Nacional Provisória da #rede para avaliação conjunta com as coordenações estaduais”.

Executiva Nacional Provisória da Rede Sustentabilidade

Mantivemos contato com o Coordenador Regional que esclareceu os fatos.

“Marina Silva nunca fez qualquer ligação para o Secretário. As decisões na #rede são tomadas pelos coletivos, não sendo possível a prática da “velha política”. A vinda de qualquer parlamentar tem que estar de acordo com as normas preestabelecidas pelos coletivos. Na #rede o título ou o cargo ocupado não tem maior importância. Queremos pessoas que militem na política, que sejam fiéis à sigla e principalmente respeitem as decisões partidárias”.

Pelas informações de Luter Gonçalves, a #rede já tem representação em 35 municípios do interior e na capital Teresina. A busca de novas lideranças é um dos pontos fortes da agremiação. “Para o #REDE SUSTENTABILIDADE a velha política já morreu”.

Ascom  
COMPARTILHAR:

+1

Música do Dia