Mulher de 62 anos é encontrada morta já em estado de decomposição


Uma senhora de 62 anos de nome Teresinha de Jesus dos Santos Nascimento, que residia na Quadra L1, casa 7, no Conjunto Raul Bacelar, foi encontrada morta no fim da tarde desse domingo (10/03) por vizinhos que, por não aguentarem o mal cheiro que vinha da residência há dois dias, ligaram para o 190. Uma Guarnição do Ronda Cidadão foi enviada para o local, e lá constataram que a mesma já estava em estado de decomposição.  


Segundo informações de familiares a senhora era obesa, e na semana passada a mesma tinha sido conduzida para o hospital já apresentando uma doença não informada pela família. 


Mesmo morando sozinha, a vizinhança afirmou que ela sempre ficava em sua casa trancada, e possuía um pequeno contato com os moradores daquela região. Os policiais que compareceram à ocorrência obtiveram a informação que Teresinha já tinha ido a óbito a 3 dias e encontrava-se totalmente deformada.  


O mau cheiro se alastrou por boa parte do Conjunto Raul Bacelar, fazendo com que a maioria dos moradores daquela quadra fossem obrigados a sairem de suas casas não aguentando o forte odor.


Como pode-se perceber nas fortes imagens registradas pela equipe do Acesso 343, o corpo da senhora estava irreconhecível e muito inchado, fazendo com que o IML (Instituto Médico Legal) não conseguisse removê-la. Dessa forma uma funerária esteve no local com um carro maior, mas se deparou com mais um problema, devido ao corpo está muito “inchado”, foi preciso quebrar uma parede lateral do quarto, pois a senhora não passava pela porta. Com muito esforço de populares, familiares e funcionários do IML e da funerária, conseguiram fazer a remoção do corpo.  


Sem contar que ao chegar no local da residência da senhora, a guarnição do Ronda Cidadão ainda teve que arrombar a porta da frente da residência da falecida, pois a principal entrada da casa estava com uma tranca pregada pela parte de dentro do imóvel, dificultando assim o trabalho dos policiais.






Por Gilson Brito
Fotos: Kairo Amaral
COMPARTILHAR:

+1