Parnahyba vence o Barras e volta a assumir a vice-liderança do Piauiense de Futebol

Parnahyba (branco e azul) e Barras (azul e vermelho)
A equipe do Parnahyba Sport Club enfrentou na tarde deste domingo (17/03) o time do Barras da cidade Barras e voltou a assumir a vice-liderança com 14 pontos, atrás apenas do River que tem 17. O confronto que terminou com a vitória do Parnahyba por 3 a 2 foi realizado no Estádio Municipal Mão Santa às 16 horas em Parnaíba e era válido pela 8ª rodada da competição.


A equipe do litoral que terminou o 1º turno do Campeonato Piauiense de Futebol na vice-liderança, iniciou o 2º turno com a estreia de dois atletas, o meia Péricles e o goleiro Aranha. Péricles não teve muita sorte, pois logo depois do 10 minutos teve uma contusão no joelho esquerdo e foi substituído por Fabinho. Aos 12 minutos depois de cobrança de escanteio e um bate-rebate a bola sobrou na entrada da grande área e Capela acertou um chute rasteiro que entrou no canto direito do goleiro Douglas do Barras.


Depois que tomou o gol a equipe do Barras apertou e conseguiu o empate aos 26 minutos com Anderson Bahia com um gol de cabeça após cobrança de escanteio, a bola entrou no canto direito do goleiro Aranha após desvio. Quando o Barras pressionava e parecia estar mais próximo do segundo gol, o Parnahyba foi lá e Fabinho fez mais um para o azulino do litoral, aos 34 minutos após girar e bater uma bola que entrou no canto esquerdo do goleiro Douglas, num chute rasteiro antes grande área.  


Tudo levava a crer que o primeiro tempo terminaria em 2 a 1 para o tubarão, porém aos 44 minutos o jogador Ivan do Parnahyba pegou de primeira e fez um belo gol, quando acertou o ângulo direito do goleiro Douglas, lá onde a “coruja dorme”. Desta forma o tempo inicial de jogo terminou em 3 a 1 para o azulino.  

Arbitragem do jogo com os capitães das equipes do Parnahyba e Barras
Logo no inicio do segundo tempo veio uma péssima notícia para os torcedores do Parnahyba, foi anunciado que a contusão do meia Péricles que tinha acabado de fazer sua estreia e sido substituído, era séria e que a gravidade do problema só teria um diagnóstico após a realização de um exame de ressonância.  

Equipe do Parnahyba
O jogo que permanecia morno até os 30 minutos do 2º tempo, voltou a esquentar aos 32 minutos quando após cobrança de falta a zaga do Parnahyba não subiu para fazer o corte e Dilson do Barras aproveitou para fazer o 2º gol de sua equipe. Após esse gol o Barras voltou a pressionar o Parnahyba buscando o gol de empate, mas a partida foi finalizada com a vitória do Parnahyba por 3 a 2 quando o goleiro Aranha fez duas grandes defesas no minuto final do jogo e garantiu o resultado favorável ao time azulino.  

Equipe do Barras
A partida teve a arbitragem de Antônio José Lopes Trindade de Sousa, que foi auxiliado por Edmílson Timóteo da Silva e Karol Vinícius Mendes Soares Martins, tendo como quarto árbitro Antônio Sérgio de Sousa Araújo e delegado Miguel da Costa Moraes.


Parnahyba e Barras teve uma renda de R$ 6.322,50 (seis mil trezentos e vinte e dois reais e cinquenta centavos), para um público pagante de 630 (seiscentos e trinta) torcedores.

Por Gilson Brito
Fotos: Kairo Amaral
COMPARTILHAR:

+1