publicidade

publicidade

PSTU/PI lançou hoje a cartilha “Luta Mulher”


A Secretaria de Mulheres do Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado (PSTU) no Piauí lançou hoje (06/03), às 18h30, a cartilha 'Luta Mulher'. O lançamento foi realizado na sede do partido (Rua Desembargador Freitas, 1849, na altura da rua Area Leão, Centro/norte de Teresina). Esta cartilha resume os principais pontos do programa do partido sobre a questão da mulher, trazendo os seguintes temas: o que é o machismo e sua relação com o capitalismo; mulher e trabalho; sexualidade e conhecimento da mulher sobre seu próprio corpo; aborto, a violência contra a mulher e outras questões.

Na cartilha é possível encontrar um resgate do surgimento do machismo e da opressão vivida pela mulher no capitalismo. Também explica a diferença das mulheres trabalhadoras para as mulheres burguesas, além de apontar uma alternativa para organização das mulheres trabalhadoras em busca da emancipação humana, através do socialismo.

O lançamento da cartilha acontece em um momento em que o governo Dilma (PT) prepara um projeto de lei que, se aprovado no Congresso, criará o Acordo Coletivo Especial (ACE), que flexibilizará direitos, dentre eles o de licença-maternidade, férias, dentre outros. "A cartilha mostra a relação entre a opressão da mulher e a exploração capitalista. Se o ACE for aprovado, prejudicará a classe trabalhadora, de conjunto. O ACE também servirá para aumentar a exploração e a desigualdade entre os sexos em termos salariais e direitos sociais. As mulheres já são hoje uma das maiores vítimas da flexibilização da jornada, dos piores trabalhos e salários e do mercado informal", afirma Letícia Campos, da Secretaria de Mulheres do PSTU-PI.

Letícia Campos - Secretária de Mulheres do PSTU-PI
COMPARTILHAR:

+1

Música do Dia