“Tubarão vira piaba”: Parnahyba perde na Copa do Brasil e não fará sequer o jogo de volta

Parnahyba (azul) e ABC (branco)
No centenário, Parnahyba é uma grande decepção na Copa do Brasil, a eliminação aconteceu dentro de casa aos 48 minutos da etapa final

O torcedor parnaibano apaixonado pela equipe azulina do litoral superlotou o Estádio Dirceu Arcoverde - “Verdinho” na noite dessa quinta-feira (11/04) para conferir a participação do Parnahyba Sport Club na Copa do Brasil, quando enfrentou o ABC de Natal-RN.  


A euforia do torcedor fanático não passou de uma frustração, já que o time do Parnahyba além de ser derrotado por 3 a 1 dentro de casa e não ir para Natal para fazer o jogo de volta por ter perdido em casa por dois gols de diferença, o gol de “misericórdia” aconteceu aos 48 minutos, no “apagar das luzes”.

O gol que abriu o placar do jogo foi marcado pelo ABC aos 20 minutos do tempo inicial, justamente em seu primeiro ataque, quando Hamilton foi a linha de fundo e cruzou para Marcílio cabecear para o fundo do gol de Aranha do Parnahyba. A equipe do litoral conseguiu dar o troco aos 23 minutos, quando Daniel foi derrubado por Leandro Cardoso dentro da grande área e o árbitro marcou pênalti que foi cobrado e convertido pelo próprio Daniel.  


O primeiro tempo terminou tudo igual em 1 a 1 e a arbitragem deu 3 minutos de acréscimo.

Logo que foi iniciado o tempo complementar o árbitro da partida, Francisco de Assis Almeida Filho marcou pênalti de Totonho do Parnahyba aos 4 minutos, depois de um “agarra agarra” na grande área. Rodrigo Silva se apresentou, cobrou e converteu aquele que era o 2º gol do time do ABC.


Aos 15 minutos Fabinho mesmo desequilibrado perdeu uma grande oportunidade, aos 21 foi a vez de Daniel que partiu sozinho e acabou “isolando a bola” na hora da conclusão.

No “apagar das luzes” quando todos já imaginavam que o placar já estava definido veio aquele velho dito popular, “quem não faz, leva”, aí o Rodrigo Silva foi lá e marcou aquele que seria o “tiro de misericórdia” aos 48 minutos, o 3º gol do ABC.  


Ficha Técnica:

Copa do Brasil
Parnahyba 1 x 3 ABC
Estádio Dirceu Arcoverde - “Verdinho” em Parnaíba às 20h30min

Equipe do Parnahyba
Parnahyba:
01 – Aranha; 02 – Ivan; 03 – Eridon; 04 – Gilmar Baiano; 05 – Eduardo Júnior; 06 – Rian; 07 – Ramon; 08 – Totonho; 09 – Daniel; 10 – Capela e 11 – Fabinho. No banco de reserva: 12 Willian Boré; 13 Marcos Gasolina; 14 – Samuel; 15 – Pio; 16 – Idelvando; 17 – Raiff e 18 – Zé Rodrigues. Técnico – Paulo Moroni.

Substituições no Parnahyba:
Saiu Totonho e entrou Zé Rodrigues (2º tempo)
Saiu Daniel e entrou Raiff (2º tempo)
Saiu Rian e entrou Idelvando (2º tempo)

Cartão Amarelo do Parnahyba:
Totonho

Equipe do ABC
ABC:
01 – Rafael; 02 – Thiaguinho; 03 – Leandro Cardoso; 04 – Vinícius; 05 – Hamilton; 06 – Lino; 07 – Leandro Santos; 08 – Marcílio; 09 – Rodrigo Silva; 10 – Júnior Xuxa e 11 – Vanderley. No banco de reserva: 12 – Franklin; 13 – Renato; 14 – Simão; 15 – Diogo Barcelos; 16 – Jean Carioca; 17 – Jheimy e 18 – Júnior. Técnico – Paulo Porto.

Substituições no ABC:
Saiu Vanderlei e entrou Jean Carioca (2º tempo)
Saiu Marcílio e entrou Diogo Barcelos (2º tempo)
Saiu Júnior Xuxa e entrou Jheimy (2º tempo)

Cartões Amarelos do ABC:
Rafael, Leandro Cardoso, Marcílio e Rodrigo Silva 

Arbitragem do jogo
Arbitragem do jogo:
Arbitro: Francisco de Assis Almeida Filho
Auxiliares: Aelson Mariano Campelo Gomes e Antônio Fernando de Souza Santos
4º Árbitro: Antônio José L. Trindade de Souza
Delegado da partida: Daniel Araújo

Não foi divulgado público pagante e renda do jogo.

Por Gilson Brito e Kairo Amaral

COMPARTILHAR:

+1