publicidade

publicidade

Vereadores estão há um mês sem trabalhar e colega quer corte nos salários‏

Vereador Vicente Pacheco
Mesmo com uma renovação de quase 100% na última eleição, a câmara de vereadores do município de Sigefredo Pacheco (160 km ao norte de Teresina) está há um mês sem sessão.

No último sábado, dia 30 de março, o vereador Vicente Pacheco, que é 1º Secretário da casa, se indignou com a situação com a falta de interesse de alguns vereadores em cumprir seu papel. Os únicos vereadores presentes, além de Vicente Pacheco, foram os vereadores Kelson Marques, Alemão e a vereadora Dona Cota.

Mesmo sem quórum para deliberar, Vicente Pacheco fez questão de abrir a sessão e manifestar sua tristeza e indignação pelo total desinteresse de alguns parlamentares que faltaram a todas as sessões da Câmara do mês de março.

O que chama a atenção é que o nobre vereador, que é da situação, chegou a clamar aos colegas que apoiam o Prefeito Oscar Bandeira, a trabalharem em prol dos cidadãos, citando os vereadores faltosos: Pituca, presidente da casa, Matueiro e Tom, este último líder do prefeito.

Vicente Pacheco disse que não consegue entender o desinteresse dos colegas, pois o prefeito encaminhou à Câmara cinco projetos em caráter de urgência e os próprios vereadores que deveriam exigir velocidade do processo, prejudicam o andamento dos mesmos.

“Vai exigir do Presidente da Câmara (Ver. Pituca) que cumpra o regimento interno e efetue 50% de desconto no salário dos vereadores faltosos. O regimento interno é claro e se ocorrer o pagamento indevido, o presidente poderá responder por crime de responsabilidade e improbidade administrativa” disse Pacheco.

Campo Maior Em Foco
COMPARTILHAR:

+1

Música do Dia