publicidade

publicidade

“Copa das Ilusões”

Artigo de autoria de Rafael Leite – Estudante Universitário

Rafael Leite
Nunca na historia contemporânea do Brasil vivemos dias tão cinzentos, ou melhor dizendo, tão duvidosos como os dias de hoje, a começar pelos mensaleiros que se asas tivessem, dariam vôos de liberdade simbolizando a impunidade e como sempre obrando sobre nossas cabeças. No Brasil é assim, quanto mais o povo apanha mais ele gosta; os desvios são descarados, às claras, mas enquanto isso acontece boa parte dos nossos alienados se deleitam sobre as “presepadas” do tal Feliciano, enquanto discutimos se o fulano pode casar com o beltrano, nosso povo mais humilde morre de fome e sede. Entretanto, 2014 vem aí e mais uma enxurrada de dinheiro foi e será gasto na copa das ilusões. Construíram estádios, reformaram outros tantos, forraram bolsos, engordaram contas, mas a verdadeira disputa não vai ser dentro de campo. Como assim?

Bom, disputa mesmo é por uma vaga em um hospital, disputa mesmo é por um emprego ou por uma vaga em uma escola publica, alias, com tanto dinheiro gasto daria para dar uma melhorada em muita coisa.

Achamos que isso não tem nada haver com nossa realidade interiorana, mas a verdade é que estamos todos no mesmo barco, seja o estado do Rio de Janeiro, São Paulo, o nosso próprio Piauí ou até mesmo o desconhecido estado do Acre. Deus nos ajude, pois existe um ditado que diz “a corda arrebenta do lado mais fraco” e infelizmente o lado mais fraco somos nós, piauienses, que nunca desenvolvemos nossas indústrias, nunca desenvolvemos nosso grandioso potencial turístico, enquanto bilhões e bilhões são gastos “sudeste afora” nossa região vive de pires na mão mendigando um trocado. Errado todos nos sabemos que está, mas a velha política do pão e circo ainda reina em todo território nacional e o que mais me intriga é tal alienação da grande massa populacional.

Bom, falta de televisão não é, nem radio e internet deixou de ser artigo de luxo há uns 10 anos atrás, porque no país da Copa do Mundo e do Feliciano, artigo de luxo é tomate. E essa copa do mundo até agora nos revelou uma coisa muito importante: nosso governo tem muito dinheiro para gastar. Infelizmente dinheiro que está sendo gasto com a coisa errada, pois para mim o mais importante do Brasil são os brasileiros, desse modo se vão os seres humanos e ficam os estádios enquanto isso vai caindo umas moedinhas no pires dos mais necessitados. E enquanto os estados ricos ou bem representados recebem bilhões de investimentos, nosso pobre e tão querido Piauí recebe o Bolsa Família, realmente não da para entender, sendo assim eu peço a Deus que nos ajude a pelo menos ganhar a copa do mundo, já que isso generaliza a felicidade.

COMPARTILHAR:

+1

Música do Dia