1º lote de restituição do Imposto de Renda 2013 começa a ser pago


A Receita Federal começou a pagar nesta segunda- feira (17) o 1º lote de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) de 2013 e lotes residuais que abrangem o período de 2008 a 2012. No Piauí 15.864 contribuintes serão beneficiados, totalizando R$ 19.645.250,06. Neste ano 192 mil piauienses prestaram contas ao Fisco.

De acordo com o delegado da Receita Federal no Piauí, Gildásio Barbosa Rêgo, as restituições estarão disponíveis nos bancos durante um ano.

“O crédito das restituições ficará disponível por um ano nas instituições bancárias. O contribuinte que não fizer o resgate nesse prazo deverá requerê-la pela internet, por meio do formulário eletrônico Pedido de Pagamento de Restituição ou diretamente no e-CAC, no serviço de declaração do IRPF. Vale lembrar que os contribuintes com mais de 60 anos recebem o dinheiro da restituição sempre nos primeiros lotes ”, destacou o delegado.

A Receita faz pagamento da restituição em sete lotes que são liberados por volta do 15º dia útil de cada mês. Em todo o Brasil serão pagos R$ 2,8 bilhões no lote multiexercício, o maior da história, para 1,99 milhão de contribuintes. Até o momento, o maior lote já pago pelo Fisco havia sido em julho do ano passado, no valor de R$ 2,6 bilhões.

No Estado do Piauí, para o exercício de 2013, serão creditadas restituições para um total de 15.646 contribuintes, totalizando R$ 19.148.568,02. Já para o exercício de 2012, serão creditadas restituições para 124 contribuintes, totalizando R$ 255.929,00.

Quanto ao lote residual do exercício de 2011, serão creditadas restituições para um total de 58 contribuintes, totalizando R$ 141.177,22. Com relação ao lote residual do exercício de 2010, serão creditadas restituições para 25 contribuintes, totalizando R$ 43.071,92. Para o lote residual de 2009 serão creditadas restituições para 11 contribuintes totalizando R$ 56.503,90. Quanto ao lote residual de 2008 não há contribuintes à espera de restituição no Piauí.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da receita na internet (http://www.receita.fazenda.gov.br) ou ligar para a o número 146. O lote residual poderá ser consultado, ainda, por dispositivos móveis como tablets e smarthphones, através de aplicativo disponível na página da Receita na internet.

“Quem não consta desses lotes, é importante consultar o Extrato do Processamento da DIRPF no site da Receita a fim de saber se incidiram em Malha Fiscal e, se for o caso, providenciar a correção e regularização de sua declaração", finalizou o delegado.

Mayara Araújo
Ascom Delegacia da Receita Federal em Teresina

COMPARTILHAR:

+1