Parnahyba fica no empate sem gols contra Ypiranga


Num jogo onde a vitória poderia deixar o bicampeão em condições privilegiadas para buscar sua classificação, o Parnahyba não passou do empate sem gols no jogo disputado na noite deste domingo (18), no Estádio Glicério Marques, em Macapá, diante do Ypiranga local. A classificação da equipe agora depende de uma vitória na última rodada, domingo próximo, diante do Salgueiro.

O jogo não foi dos melhores, tecnicamente, prejudicado pela desmotivação do time local, já eliminado da competição. Assim mesmo, o Ypiranga foi um difícil adversário, que criou oportunidades e também andou perto da vitória sobre o bicampeão piauiense. O Parnahyba, porém, criou mais oportunidades.

Ainda no primeiro tempo, Raiff colocou a bola na trave do goleiro Jefferson. Na fase final, quando o técnico Moroni resolveu colocar os atacantes Alex Paraíba e Júnior Mineiro, o Parnahyba cresceu ofensivamente, mas voltou a desperdiçar as boas oportunidades criadas. Castigo justo para os dois times - o empate sem gols.

Com este 0 a 0, o Parnahyba agora precisa vencer a última partida, domingo, diante do Salgueiro, em Parnaíba, para garantir classificação no Grupo A2 da Série D e quebrar a escrita do futebol piauiense nunca passar para a segunda fase da competição. Jogo em que não terá Fabinho, que completou a série de três cartões amarelos.


FICHA TÉCNICA

YPIRANGA 0 x 0 PARNAHYBA (Campeonato Brasileiro - Série D - 1ª Fase - 9ª rodada); Data: 18/08/2013 (domingo à noite); Local: Estádio Glicério Marques (Macapá - AP); Arbitragem: Joelson Silva dos Santos, auxiliado por Diórgenes Menezes Serrão e Luis Diego Nascimento Lopes (todos do Pará).

Cartões amarelos: Bruno (YPI), Niel, Fabinho e Totonho (PAR).

Ypiranga - Jefferson; Amaral, Davi, Bruno e Carlinhos Marahu; Sandro (Fernandinho), Vando, Romeu e Kennio; Patrick e Fabinho (Cácio). Técnico: Samuel Oliveira.

Parnahyba - Robson; Gilmar Bahia, Paulo Maranhão e Alessandro (Luciano); Niel, Totonho, Cleitinho (Alex Paraíba), Idelvando e Marcos Gasolina; Raiff (Júnior Mineiro) e Fabinho. Técnico: Paulo Ricardo Moroni.

Site do Buim

COMPARTILHAR:

+1