publicidade

publicidade

UESPI, em parceira com UNIVAP, oferece doutorado em Engenharia Biomédica


A Universidade Estadual do Piauí – UESPI, em parceria com a UNIVAP- Universidade do Vale do Paraíba, que tem campi em São Paulo, abre edital de seleção para doutorado e doutorado direto (modalidade de pós-graduação pela qual não é necessário passar pelo curso de Mestrado) em Engenharia Biomédica.


A seleção é aberta à comunidade acadêmica em geral e oferta quinze vagas, em duas turmas. As aulas serão ministradas no Centro de Ciências da Saúde (CCS) da UESPI. No convênio, a UNIVAP fica responsável por oferecer os professores para ministrar as aulas, enquanto a UESPI oferece a estrutura para a realização das aulas.

Para a professora Andréa Lima, diretora do CCS da UESPI, essa é uma oportunidade para qualificação de docentes e discentes. “O doutorado será dividido em módulos de aulas, que chamamos de ciclos de palestras obrigatórios. Nosso objetivo é facilitar a qualificação dos docentes e discentes”, afirma a diretora.

Ainda de acordo com Andréa Lima as disciplinas obrigatórias serão ministradas no CCS, em Teresina. O doutorando fará o deslocamento a sede da UNIVAP, em São José dos Campos, para cursar as disciplinas optativas e para encontros com o orientador.

As inscrições para o Doutorado em Engenharia Biomédica já estão abertas e vão até 28 de julho. O candidato pode conhecer o corpo docente no endereço:http://www.univap.br/universidade/instituto-de-pesquisa/doutorado-em-engenharia-biomedica-/corpodocente.html

A data para entrega dos documentos é até o dia 28 de julho e as entrevistas serão realizadas dias 29 e 30 de julho. De 03 a 07 de agosto será o período de matrículas. As aulas terão início em 10 de agosto. Para mais informações acesse o site: http://www.univap.br/universidade/instituto-de-pesquisa.html.

Um Estudo realizado pela revista americana Forbes aponta o profissional de Engenharia Biomédica como o mais promissor no mercado. Dados do Guia do Estudante apontam que o engenheiro biomédico é um dos profissionais mais promissores até 2020. No Brasil, a demanda por profissionais que sejam graduados, possuam mestrado ou doutorado em engenharia biomédica é crescente, principalmente, no Nordeste onde este campo profissional ainda é bastante diminuto.


UESPI
COMPARTILHAR:

+1

Música do Dia