Bicampeão mundial Carlos Mário leva o título do Arena Kite Brasil 2017


Depois de dois dias intensos de manobras, saltos radicais e giros no ar, os cearenses mais uma vez dominaram o pódio do Arena Kite Brasil, que aconteceu no último fim de semana no Aimberê Eco Resort, na Praia do Coqueiro, em Luís Correia-PI. O cearense tricampeão brasileiro e bicampeão mundial, Carlos Mário (Bebê), conquistou as melhores notas no somatório das modalidades Freestyle, Big Air e Megaloop e levou o título. O também tricampeão brasileiro, Eudázio da Silva (CE), fez ótimas baterias e ficou com o segundo lugar. O terceiro colocado também veio do Ceará, Erisverton. Os piauienses Breno Veras, Polegar e Vanderson ficaram em quarto, quinto e sexto, respectivamente.


Os dezoito atletas participantes foram divididos em 6 baterias, com três competidores em cada, sendo que os maiores pontuadores do ranking da ABK (Associação Brasileira de Kitesurf) ficaram como "cabeças de chave". Após cada apresentação, eles recebiam notas individuais para o freestyle, onde o que conta é a técnica, big air, com os saltos mais altos, e megaloop, com giros no ar bem elaborados e executados. Quem conseguia as melhores médias, passava para a próxima fase.


Com água quente, ventos fortes e ondas ideais, os kitesurfirtas deram o seu melhor nas três modalidades e encantaram o grande público presente no Aimberê Eco Resort, que vibrava a cada apresentação e logo no início já escolheu os seus favoritos. O hotel montou um lounge com toda estrutura de bar e restaurante à beira-mar para que as pessoas acompanhassem de pertinho a competição e pudessem torcer e aplaudir.


Augusto Sampaio, juiz do evento e presidente da ABK, destaca que o nível dessa quinta edição do Arena Kite Brasil esteve alto e o modelo "Triple X", com três modalidades juntas, deixou o certame mais atrativo e competitivo. "Estamos testando esse formato novo, onde as disputas ficaram mais acirradas. Como o resultado sai da média de todas as notas, acontece um nivelamento dos atletas. Quem é melhor em saltos compensa a técnica, e vice-versa. Ganha o público presente, que tem baterias mais emocionantes, com altura e projeção. É mais dinâmico e empolgante para quem assiste", ressalta.


Para Carlos Mário, tricampeão brasileiro e bicampeão mundial, o formato da competição deixou o Arena Kite Brasil mais concorrido. "Todos os atletas estão de parabéns pelo alto nível. Vários atletas ranqueados pela ABK participaram do Arena, mas a junção das três modalidades deu chances para que todos pudessem chegar ao pódio. Foi emocionante e eu gostei dessa nova experiência. Parabéns ao Pedro Fontenele (organizador) por inovar", disse.


Pedro Fontenele, organizador do Arena Kite Brasil, apontou como positiva a experiência do formato "Triple X". "Os atletas aprovaram o modelo da competição, pois ficou mais dinâmica e deu mais chances para quem tinha dificuldade em uma ou outra modalidade. O público também vibrou mais, já que os saltos e giros no ar, deixavam as apresentações com mais emoção", destaca.

Resultado final - Arena Kite Brasil 2017 Triple X:
1- Carlos Mário (Bebê) - (CE)
2- Eudazio da Silva - (CE)
3- Erisverton - (CE)
4- Breno Veras - (PI)
5- James Freitas (Polegar) - (PI)
6- Vanderson - (PI)
7- Francisco Mateus - (PI)
8- Bruno lima – (MA)

Por David Carvalho
Assessoria de Imprensa - Arena Kite Brasil  

COMPARTILHAR:

+1